Ser Pastor

“E dar-vos-ei pastores segundo o meu coração, os quais vos apascentarão com ciência e com inteligência.” (Jeremias 3.15)

Não basta “ter” um rebanho para ser considerado um Pastor é preciso “ser” conforme a Palavra do Senhor. E quando se é um Pastor as figuras se multiplicam no meio das ovelhas: Pai, amigo, filho, irmão, mestre e conselheiro são algumas delas. 

Um Pastor é um “presente” de Deus para a Congregação – “E dar-vos-ei pastores…”. Mais do que uma profissão é uma vocação Divina. Bem mais que uma capacidade é um chamado dos céus. Deus salva, escolhe, capacita e doa para o Corpo de Cristo. E Deus faz isto para esta pessoa seja o principal veículo das Suas verdades e promessas. 

Um Pastor compreende o coração de Deus – “segundo o meu coração”. Compreende mais do que os atributos definidos pela Teologia como onisciência, onipresença e onipotência. Ele percebe a lei suprema pela qual tudo é regido no mundo e na história, o coração do Senhor. Por que Deus faz o que faz, quando, onde e por meio de quem Ele quer. Na verdade o que faz Deus ser Deus é o Seu coração cheio de amor fiel e de misericórdia infinita. 

Um Pastor é o que apascenta – “os quais vos apascentarão”.  Não diz apenas algumas frases de efeito, um direcionamento administrativo ou uma atitude profissional. Ele apascenta, e para isto sente as necessidades das ovelhas, as ama incondicionalmente e emprega todo esforço para o bem estar delas. Não transfere esta sublime tarefa a ninguém. Sua vida traz o “cheiro” das ovelhas. 

Um Pastor busca conhecimento – “com ciência”. Ninguém sabe tudo. O Espírito Santo faz lembrar o que foi lido. O conhecimento é um processo contínuo. Por isso um Pastor segundo o coração de Deus, busca o que há de melhor para alimentar e nortear o rebanho. 

Um Pastor busca sabedoria – “e com inteligência”. A inteligência ou sabedoria é em via de regra a aplicação do conhecimento, no entanto, em determinados momentos, o Pastor precisa de um discernimento especial que o faz estrategicamente estar à frente daqueles que o Senhor lhes confiou. Tudo, porém, pela força e inspiração do Altíssimo. 

Ovelha, você já agradeceu a Deus pelo seu Pastor. Pastor, você já agradeceu a Deus pelas suas ovelhas? 

Por: Pr. Elias Alves

Fonte: Sou da Promessa