Ainda dá tempo

O tempo é uma coisa indefinível e paradoxal: o passado já se foi, o futuro ainda não chegou, e o presente se torna o passado, mesmo enquanto procuramos defini-lo, e como se fosse um relâmpago, num instante existe e se extingue.

Você sente que tem pouco tempo para a família? Seus filhos estão crescendo e você não consegue acompanhar o desenvolvimento deles? Se vê entre os formandos numa colação de grau? Se esse é o seu sentimento, você não está sozinha! Milhares de mulheres no mundo se sentem assim… Nestas horas, é de suma importância lembrar da palavra de Deus e encher o coração daquilo que dá esperança. Em Eclesiastes 3:1 está escrito: “Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu.” Com base neste princípio bíblico, precisamos aprender ser bons mordomos do tempo que Deus nos dá.

Nossa rotina é sufocante, somos surpreendidas com problemas familiares e financeiros, problemas no trabalho, por isso, precisamos de soluções diárias. O mais indicado é buscar a presença de Deus diariamente para vencê-los. Em Mateus 6:33 está escrito: “Buscai em primeiro lugar o reino de Deus e a sua justiça e as demais coisas vos serão acrescentadas.” Essa busca diária pelo reino de Deus representa solução para demandas indesejadas

O que fazer diante das pressões sociais e profissionais que tentam sucumbir nosso tempo livre? Como superar a tirania do urgente? Faça seu projeto de vida a curto, médio e longo prazo e estabeleça estratégias para alcançá-los. Não esqueça, seja um bom mordomo do tempo. Organize uma agenda semanal elegendo as atividades por grau de importância. O que é mais relevante deve vir primeiro. Seja disciplinada e não fuja de seu foco. Não desperdice as oportunidades.

Ainda dá tempo para cuidar do corpo, frequentando uma academia. Ainda dá tempo de cuidar da saúde, fazendo exames de rotina e indo ao dentista. Ainda dá tempo para iniciar seu curso dos sonhos, então, faça sua faculdade, não duvide de seu potencial. Ainda dá tempo para cuidar da vida emocional fazendo uma autorreflexão, dessa forma você vai perceber seu grau de autoestima e valor, seu nível de ansiedade e estresse, vai perceber seu nível de aproximação com relação ao outro. Ainda dá tempo para rever situações do tipo perdão e sentimento de culpa que tanto interferem na saúde física, emocional e espiritual. Em Mateus 6:12-14, Jesus ensina que nós precisamos receber e dar o perdão ao próximo, acrescentando que se não oferecermos o perdão ao próximo não receberemos D’Ele.

Sabemos que o tempo não para, por isso, devemos aprender a administrá-lo e usá-lo sempre ao nosso favor. No salmo 90:12 está escrito: Ensina-nos a contar os nossos dias, de tal maneira que alcancemos corações sábios.

Por: Gilvaneide Silva Santos Ferreira, psicóloga, casada com pastor Denílson Ferreira dos Santos , mãe do Willian Silva Ferreira