Você sabe como ser um bom anfitrião de pequeno grupo?

A importância dos anfitriões no pequeno grupo

O papel do anfitrião é um dos aspectos menos valorizados dos pequenos grupos, porém não menos importante. O anfitrião é imprescindível na estrutura do PG nas casas. O anfitrião deve ser crente, membro frequente da igreja, com bom testemunho.

Uma das principais razões pelas quais os Pequenos Grupos não crescem e prosperam com mais rapidez é a ausência de pessoas dispostas a abrirem suas casas. Esse mesmo problema afligiu a igreja primitiva e Pedro se reporta ao assunto em I Pedro 4.9 dizendo: “Hospedem uns aos outros, sem murmurações.” Assim como nós hoje, a igreja primitiva dependia de membros hospitaleiros que abrissem suas casas para o ministério da igreja nas casas. Naquela época, não havia prédios de igreja ou hotéis, portanto, os lares dos crentes se tornavam o ponto central do ministério da igreja primitiva.

Encontramos hoje a necessidade urgente da prática da hospitalidade, pois as pessoas querem ver a igreja crescer, porém não contribuem pra que isso aconteça.

As orientações a seguir irão ajudá-lo a ser um anfitrião: Receba bem o grupo, as pessoas que participam de um grupo devem se sentir à vontade para participar e compartilhar suas experiências. É necessário que o anfitrião esteja presente na reunião e sempre tenha o cuidado para que nada atrapalhe o bom andamento da mesma, deve ser sensível à necessidade do grupo como um todo, cuidar da acomodação e promover um ambiente agradável. Não deve haver televisão ou aparelhos sonoros ligados, atividades paralelas, ou crianças brincando no ambiente das reuniões. Há anfitriões que abrem a sua casa, mas não participam do grupo, o que pode ser visto como indiferença.

Encorajo a cada membro a se empenhar em cumprir esta ordem que é o motivo de nossa existência: “Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; Ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos. Amém”. (Mateus 28.19-20)

Por: Dsa. Viviane Watanabe – Resofap Norte Paranaense

Saiba como iniciar um pequeno grupo entre mulheres: https://fesofap.portaliap.org/artigos/como-iniciar-um-pequeno-grupo-de-mulheres/

 

Nenhum comentário

Comentários estão desativados