Sem cera

Ouvi uma história esses dias, era sobre a origem etimológica da palavra sincero. No Egito antigo, os egípcios eram especialistas na fabricação de vasos, quando um vaso rachava eles colocavam cera na rachadura, e ficava tão perfeito, que pessoas leigas como nós não seriam capazes de ver a diferença entre um vaso com cera e um sem cera; as pessoas que conheciam as peculiaridades de um vaso não eram enganadas, mas as pessoas que eram leigas, sabendo que o vaso poderia ter cera, pediam: Eu quero um vaso sem cera. Com o tempo sem cera se transforma em sincera.

O significado da palavra sincera para nós é o que é verdadeiro, leal, que exprime o que sente, o que pensa, que mostra o que está no coração. Eu e você somos pessoas sinceras? Sei que falho muitas vezes nesse ponto e preciso melhorar. Precisamos ser como os vasos sem cera, que não escondem nada, que deixam transparecer seus sentimentos e pensamentos, que devem ser puros e agradáveis. Esses que devem ser cheios de verdade e do amor de Deus que se revela através de nós.

por Mariana Mendes

Fonte: Guiame