Nós em Jesus = justificação; Jesus em nós = santificação

A justificação é um ato; a santificação é um processo

Essa afirmação de grande peso teológico é de Martinho Lutero. A justificação é um ato; a santificação é um processo.

A justificação não tem graus. Todos os salvos estão justificados da mesma forma; a santificação tem graus. Há crentes mais adiantados que outros na escalada da santificação.

A justificação é feita fora de nós, no tribunal de Deus; a santificação é feita em nós, em nosso coração.

A justificação acontece quando cremos em Cristo; a santificação começa na conversão e termina na glorificação.

A justificação acontece quando somos enxertados em Cristo; a santificação acontece quando Cristo vive em nós.

Fonte: Guiame