Há esperança!

 

“Ele não está aqui; ressuscitou, como tinha dito.” Mt 28:6

Quando todas as portas parecem se fechar à nossa frente, quando as dificuldades, aparentemente, são intransponíveis e os fracassos, os desapontamentos, o sofrimento e a desilusão insistem em fazer parte da nossa vida, precisamos lembrar que a situação atual nem sempre é definitiva.

Jesus foi preso, torturado, humilhado, aviltado e crucificado. Morreu como se fosse um ladrão, um assassino. Entretanto, três dias depois ele foi devolvido da morte, ressuscitou e está vivo para reinar eternamente e fazer a diferença em nossa vida.

Não devemos esquecer que, muitas vezes, o por do sol é apenas o prelúdio de uma nova e esplendorosa manhã. Para a esposa ou o esposo abandonado pelo cônjuge, para a pessoa que perdeu seu cônjuge ou um filho, para a esposa cujo marido é alcoólatra, para os órfãos, para a mãe solteira, para o marido ou a esposa que sofreu traição, para aquele que padece de uma doença grave ou terminal e para os que estão na prisão, esta é a mensagem que pode lhes restituir a fé: Jesus ressuscitou! Há esperança! Há alegria! O nosso Deus está vivo e ele nos garante a vida eterna.

O mesmo poder que levantou o Senhor Jesus Cristo da morte habita hoje o nosso coração, nos fortalece e nos capacita a enfrentarmos as dificuldades da vida.

Jaime Kemp

Bíblia da Família –Almeida Revista e Atualizada)  pg 864