Copie e Cole!

Você sabia que você se torna uma média das 5 pessoas com quem você mais convive? Fiquei surpresa quando li essa informação e, ao mesmo tempo, parei para refletir muito sobre isso. Será que eu gostaria de ser como as pessoas com quem mais convivo ou me sentiria frustrada com isso?

O interessante é que quanto mais você convive com uma pessoa, mais você a compreende e mais dela você carrega em si. Quando vivemos situações difíceis em nossas vidas (como um momento de enfermidade), muitas vezes, não compreendemos o porquê, mas, às vezes, Deus nos permite passar por esses momentos para dar forças para outras pessoas que estão passando ou irão passar por situações semelhantes.

Em Filipenses 2:7-8 diz “Mas fez a si mesmo de nenhuma reputação, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens; e, achando na forma de homem, humilhou-se a si mesmo, sendo obediente até à morte, e morte de cruz.”

Jesus se tornou homem para que pudesse compreender nossas lutas e nos justificar diante de Deus. Ele sentiu nossas dores, passou por momentos de conflitos, foi tentado, perseguido, humilhado… Ele sabe exatamente o que vivemos hoje e deixou o Seu Reino, entregando Sua vida, para que tivéssemos vida e aprendêssemos a viver aqui, para alcançarmos a verdadeira vida ao lado Dele eternamente. Ele foi a prova viva de que conseguimos vencer se estivermos Nele e com Ele.

Ele nos deu a maior lição de como alcançarmos a vitória: “Portanto, cingindo os lombos do vosso entendimento, sede sóbrios, e esperai inteiramente na graça que se vos ofereceu na revelação de Jesus Cristo; Como filhos obedientes, não vos conformando com as concupiscências que antes havia em vossa ignorância; Mas como é santo aquele que vos chamou, sede vós também santos em toda a vossa maneira de viver (…)”. (1 Pedro 1: 13-15 – grifos da autora)

Assim como disse no início, nos tornamos a média das 5 pessoas com quem mais convivemos. Não sei você, mas eu quero que minha primeira e principal referência de vida seja Jesus, porque conhecendo a Ele e vivendo como Ele viveu, mais parecida com Ele me torno. Quanto mais parecidos com Ele, mais o compreendemos e sentimos o Seu amor, dessa forma, passamos a ver as coisas com a ótica de outro Reino. O Reino que pertence a Ele e para o qual Ele nos chamou, ao nos adotar como filhos.

Copie e cole” os atos de Jesus e assim não nos conformaremos com esse mundo, mas sim, seremos transformados pela renovação do nosso entendimento, e assim, experimentaremos a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus. (Romanos 12: 2 – adaptado)

Por: Mirian dos Santos Salvador, 26 anos. Graduada em Pedagogia, Pós Graduada em Neuropsicopedagogia Clínica e cursando Pós Graduação em Musicoterapia. Congrega na IAP de Alvorada – Guarulhos/SP.