Como estar melhor na melhor idade

03 A Bíblia diz em Levítico 19:32: “Levantem-se na presença dos idosos, honrem os anciãos, tema o seu Deus. Eu sou o Senhor”.

A velhice chega para todos ou pelo menos para aqueles que pela graça e bondade do Senhor ultrapassam os 70 ou 80 anos. Para alguns, muito tempo, para outros pouco tempo, a depender da qualidade de vida.

A melhor idade é um período de muitas mudanças na vida de uma pessoa, aprender a lidar com essas mudanças é fundamental para que esse período flua de maneira natural e não prejudique as relações interpessoais do idoso.

Envelhecer não é sinônimo de incapacidade. É importante manter a autonomia e a independência. Além disso buscar atividades que sejam prazerosas e não deixar de cuidar do corpo com os exercícios físicos adequados, alimentação saudável e atividade física ideal, possibilitarão uma melhora na qualidade de vida. Ter um estilo de vida saudável todos os dias é imprescindível. A primeira medida a ser tomada é em relação aos exames de rotina, já que ajudam a identificar se está tudo em ordem com o seu organismo.

Não se engane, mesmo na velhice podemos ser ativos e producentes. A Bíblia nos mostra diversas pessoas que foram usadas por Deus mesmo com idade avançada. A idade não importa para quem quer servir a Deus e ser instrumento Dele, para isso devemos observar alguns cuidados!

Durma corretamente o ideal é descansar oito horas por noite. Aumente a ingestão de água, o recomendado são oito copos de água diariamente. Faça passeios regularmente durante o dia, permaneça ao ar livre pelo menos 15 min diários. Tome sol. A Vitamina D, ajuda a fixação do cálcio, melhora o ânimo. O melhor período para se expor ao sol é até as 10 horas e após as 16 horas. Não se esqueça de usar protetor solar.

Assim como o envelhecimento é para todos, a idade não é problema para quem quer aprender. Para muitas pessoas, a terceira idade é uma extensão de uma vida ativa e saudável não só para o corpo, mas também para a mente.

Exercite o seu cérebro: uma boa leitura promove relaxamento e ajuda a estimular o raciocínio. O exercício da leitura e, consequentemente, do aprendizado, funciona como uma ginástica cerebral, como forma de retardar os sintomas de doenças degenerativas. Jogos de videogames ou de raciocínio também melhoram a memória.

A vida passa muito depressa, e mais do que envelhecer, é preciso saber envelhecer. É preciso envelhecer com sabedoria e mente ativa.

Aposentadoria não é sinal de parar no tempo, ficar em casa ou pensar que a produtividade acabou, pelo contrário, a partir de agora, o tempo que antes era dedicado à jornada de trabalho pode ser aplicado aos livros didáticos. Praticar atividades que estimulem a intelectualidade, como aprender a utilizar o computador e aprender novas línguas. Procure se sentir útil, seja em casa ou em outros lugares (como hospitais e orfanatos). Aproveite o seu tempo livre!

Idosos podem estudar em qualquer instituição. Para maiores informações você pode acessar o site portaldaterceiraidade.org.br. O site traz notícias e informações referentes aos cursos. Aproveite a oportunidade e não fique parado! O tempo passa depressa!

Um dos fatores que estão ligados diretamente ao bom envelhecimento é o ambiente familiar, pois representa um importante papel na vida do idoso. Manter o idoso ativo é garantir a transmissão de conhecimento e sabedoria pelas gerações garantindo que a cultura e, principalmente o amor, não se percam no tempo. Os jovens podem aprender lições valiosas de vida com os idosos. A Bíblia diz em Salmos 71:18: “Agora, quando estou velho e de cabelos brancos, não me desampares, ó Deus, até que tenha anunciado a tua força a esta geração, e o teu poder a todos os vindouros”.

A terceira idade é um tempo especial da parte de Deus para que os idosos colham com alegria os frutos das sementes plantadas na juventude

Salmos 92.12-15 “O justo florescerá como a palmeira; crescerá como o cedro no Líbano. Os que estão plantados na Casa do SENHOR florescerão nos átrios do nosso Deus. Na velhice ainda darão frutos; serão viçosos e florescentes, para anunciarem que o SENHOR é reto; ele é a minha rocha, e nele não há injustiça”.

 

Maria Vilma de Carvalho Andrade, casada com o Dá. Eli de Andrade, mãe da Vanessa e Tatiane, avó do Maxi, André, Emily e da Liz.Serve como diaconisa na IAP de Vila Nhocuné, atua como diretora do MM na CPL Leste e auxilia na secretaria da CPL.