Faculdade X Vida cristã

Costumo dizer que faculdade é um “caldeirão de tentações”.

É na faculdade que, na maioria das vezes, nos sentimos adultos, independentes, livres e nos deparamos com um mundo muitas vezes inimaginável, principalmente para um jovem cristão.

Nos primeiros dias de aula nos sentimos perdidos com tanta novidade: gente bonita, pessoas que fazem coisas incríveis, afinal “ estamos na fase de curtir a vida, somos jovens” afirmam.

É nessa fase que temos a necessidade de criar laços, fazer parte de um grupo para que nos sintamos aceitos e não um “zero à esquerda”. Os trabalhos em grupo e principalmente os happy hours pós-aula auxiliam nessa fase. Quem não participar das reuniões e festinhas, quem não falar e fazer as mesmas coisas é “carta fora do baralho”, se sentirá excluído.

É aí que mora o perigo! Você, jovem cristão, que no início se sente incomodado ao se sentar com a turma no barzinho perto da faculdade, mas depois pensa: “Que mal há nisso? Afinal só estou tomando refrigerante… ”  lembre-se que o sábio Salomão disse em Salmo 1: “Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores.”

Salomão sabia que ao se sentar à mesa dos zombadores, você está se pactuando com eles, está abrindo seus ouvidos para o inimigo, está permitindo que coisas malignas entrem em sua mente. Cada dia você vai cedendo um pouco mais, no início é só refrigerante, no outro “só para provar” e com os dias você se torna um deles.

Meu querido, Deus nos separou, ele não quer que sejamos como as outras pessoas, fomos chamados para ser diferentes. A palavra santo significa separado! Você tem que ser separado, seus colegas de faculdade têm que ver um diferencial em você.

Você não tem a necessidade de se sentir incluso num grupo para ser feliz, para se sentir aceito. Você tem que se preocupar em ser aceito por Deus. Você tem que ser luz onde estiver. A função da luz é iluminar as trevas, é brilhar, ser o exemplo.

Seus colegas que buscam o prazer e alegria momentânea o fazem porque não são preenchidos pelo Espírito Santo, são pessoas que têm necessidade de se auto afirmar para as demais porque não são realizadas emocional e espiritualmente.

Você tem que buscar o prazer e a alegria nas coisas que vêm dos céus. Salomão volta a nos dizer: Antes tem seu prazer na lei do Senhor, e na sua lei medita de dia e noite”.

Não ceda nem um pouquinho! Seja firme em suas decisões!

Há muitas formas de se divertir de forma lícita, sem bebedeiras, pegação e festas mundanas. Amizade com pessoas que têm a mesma fé é fundamental, esportes, passeios e reuniões com a turma da igreja são alguns exemplos.

Você não tem que falar a mesma língua dos seus amigos de faculdade, você tem que falar a língua de Deus.

Seja luz onde estiver, não deixe que as trevas da “falsa aceitação social” apague seu brilho de cristão. E se você já se sente parecido ou igual ao restante da galera, Jesus é misericordioso para te aceitar novamente, Ele está de braços abertos te aguardando. Ore e peça para Deus forças para prosseguir sem olhar para o lado, que Ele te dará.

 Jesus disse: “… no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo.” (João 16:33) e você pode vencê-lo também!

Paula Gabrielle de Castro – IAP centro Cuiabá-MT