Toda cristã é uma missionária

“Senhor, eu te peço que um dos meus filhos sinta o desejo de pregar a tua palavra”. Tal trecho foi parte da oração que ouvi do meu pai quando orávamos em grupo. Por um instante refleti sobre o pedido. Cresci testemunhando a vida missionária de meu pai, quase não o via pois ele estava sempre viajando para falar do amor de Deus. Tudo isso me veio à memória e, quando o Espírito Santo me mostrou que eu poderia ser um daqueles filhos que meu pai pedia em sua oração, não hesitei e respondi: “Eu quero, eu posso, Senhor”. Percebi que aquela oração em grupo havia se limitado a um diálogo entre meu pai, eu e Deus. Foi uma experiência que nunca mais vivi, foi algo extraordinário.

Algum tempo depois, muitos foram os conselhos que me foram dados sobre como ser uma cristã missionária: “Você tem que se vestir adequadamente”, “Saia e entregue folhetos” – diziam. Passei por esses processos tentando me “moldar”. Algumas dessas estratégias eram bem-sucedidas, mas sentia em meu coração que faltava algo para preencher um vazio que sentia.

Me questionei se existia uma maneira certa de ser uma cristã missionária e, da forma mais simples Ele me mostrou a resposta. Eu estava internada após sofrer um acidente. Nesse momento de dor entendi o que está escrito em João 15:16: “Não fostes vós que escolhestes a mim, Eu vos escolhi a vós, e vos designei para que vades e deis frutos”. A zeladora do hospital entrou, parou por alguns segundos e me olhou. Cumprimentei-a com um simples “Bom dia”. Ela me perguntou: “Você é evangélica, não é?” – Respondi: “Sim, por quê?”. Ela me disse que passou em todos os quartos, mas quando entrou ali sentiu algo diferente, “senti paz…”

Naquele instante meu coração se encheu de alegria porque não precisei estar com traje certo ou em meio a grandes eventos, mas simplesmente estava ali e refleti a beleza de Cristo. Aquela mulher sentiu paz porque eu sentia paz em Cristo. É isso que uma cristã missional transmite. Quando alguém sente Jesus através de você, isso é ser missional. Ao convidar suas amigas para te visitar e você tem a oportunidade de falar do zelo de Deus, ao receber um pedido para que você ore por alguém… essa é a forma que Cristo nos ensinou.

“Assim como o pai me enviou, ou vos envio – João 20:21”. É necessário ser uma cristã missional no convívio social, vivendo Cristo diariamente, refletindo seu caráter onde você estiver. Ele nos dará a oportunidade de usarmos nossos dons para testemunharmos da sua graça, da sua salvação a todas as pessoas. Essa experiência aconteceu comigo… pode acontecer com você.

Por: Hilez Miriam Matias dos Santos casada com o Emerson de Goes dos Santos mãe da Mariana congregam na igreja Adventista da Promessa em Três Lagoas – Foz do Iguaçu/PR, Pedagoga.