Redes sociais

Nada pode substituir nossa conexão com os familiares e com Deus

A família é um maravilhoso projeto de Deus, mas nós, como servas do Senhor, precisamos estar sempre atentas aos acontecimentos em nosso redor.

A tecnologia chegou para ficar porque sabemos que é promessa no livro de Daniel 12:4b, que registra que a ciência se multiplicaria. Aí entra a nossa responsabilidade de usar tantas informações para o bem, para o serviço do Reino e para a nossa vida secular.
Precisamos analisar o tempo que gastamos nas redes sociais, quantas horas passamos conectadas e quantas horas os nossos filhos passam no mundo virtual.

Infelizmente, hoje em dia, a tecnologia se tornou uma babá para os nossos filhos. Muitas vezes nós, pais, estamos cansados ou querendo nos conectar também, então, optamos em deixar os nossos filhos horas e horas na frente de uma tela.

Os casais estão cada vez mais distantes uns dos outros, o diálogo mais escasso. A virtualidade tem afastado os cônjuges (a falta de companheirismo, a falta de diálogo, a falta de tempo para se conectarem com Deus). Isso traz o risco de uma separação, já que os relacionamentos deixam de acontecer.

Precisamos ficar atentas contra as ciladas do inimigo. As redes sociais nos dão uma falsa sensação de liberdade: posso escrever, compartilhar, twittar, como bem entender. Pensamos que estamos sozinhas, mas Deus conhece todos os nossos pensamentos.
Dediquemos mais tempo às nossas famílias.

Mara Lúcia da Silva, Sofap Itacibá, Resofap Espírito Santo