Chegamos ao meio do ano: É hora de avaliar.

“Tudo o que fizerem, seja em palavra ou em ação, façam-no em nome do Senhor Jesus, dando por meio dele graças a Deus Pai.” Cl 3:17

Socorro! Já chegamos à metade do ano. Está na hora de avaliar como estão aqueles objetivos propostos no início do ano.

Todo início de ano é a mesma coisa. Traçamos vários objetivos e metas que queremos atingir no ano que ora se inicia.

Aí eu te pergunto: Quais foram estes objetivos? Você tomou nota? Quais você já atingiu? Quais estão em andamento? Quais estão esquecidos?

Os objetivos variam de pessoa para pessoa: Adquirir casa própria, trocar de carro, ler a Bíblia toda, realizar uma viagem, trocar de emprego, ler um livro por mês, fazer um curso, realizar exercícios físicos, fazer uma reeducação alimentar (aff), etc.

Avalie o que você conseguiu realizar até aqui. Agradeça a Deus pelas metas atingidas e por aquelas que estão em andamento.  E, quanto àquelas que ficaram esquecidas, não se entristeça, reavalie.

Deus, quando criou o mundo nos deixou um exemplo de organização. Ele criou o mundo em etapas. Não fez tudo de uma vez, levou seis dias. Deus se alegra com as nossas conquistas, quando estão de acordo com sua vontade, e quando somos capazes de cumprir as etapas: começo, meio e fim.

Quando planejamos, devemos elaborar uma estratégia para a realização e o cumprimento desse planejamento. Não devemos deixar as coisas pela metade, e muito menos ficar procrastinando, pois isso é prejudicial para a concretização dos objetivos e para o desenvolvimento pessoal e profissional; e também afeta consideravelmente a autoestima.

Em pleno século XXI, estamos sempre correndo contra o tempo. Por isso a importância de planejar.Verifique os objetivos propostos. Estabeleça prioridades. Defina os passos para o alcance dos mesmos. Ainda temos alguns meses pela frente e dá tempo de “correr” para concluir projetos iniciados e buscar a concretização dos objetivos relevantes, ainda não iniciados.

Para não esquecer e facilitar o acompanhamento dos objetivos planejados: anote na agenda, faça post-its e cole-os próximo ao computador, na geladeira, no espelho, em algum lugar do carro, enfim, em locais que lhe permitam visualizar e ter sempre à vista para lembrá-lo e para que você possa acompanhar o desenvolvimento. Troque com frequência os pos-its, de acordo com a evolução.

Lembre-se que nada é conseguido sem esforço. É preciso comprometimento e empenho. Ao final de cada mês, avalie os progressos obtidos. Mantenha o foco e mantenha-se motivado.

“Tudo o que fizerem, façam de todo coração, como para o Senhor, e não para os homens.” Cl 3:23

Dsa. Valdete Moraes da Cunha de Oliveira – Professora – IAP Prado Velho, Curitiba, Convenção Sul.

Nenhum comentário

Comentários estão desativados