A excelência da comunicação em família

Precisamos ter um relacionamento transparente, no qual todos se amem e pratiquem a verdade

Vivemos em uma sociedade na era da comunicação: TV, rádio, telefone, smartphones e internet… E cada dia que passa o mundo se faz menor, pois a comunicação está cada dia mais efetiva, divulgando rapidamente os acontecimentos entre vários povos, reduzindo a distância e aproximando as pessoas.

Gênesis 2:18 declara que Deus criou o homem e a mulher para um compartilhar constante.

Em casa, junto aos que convivem conosco, o desafio da comunicação se reveste de um sentido muito profundo. Cada família tem as suas necessidades, distinções e peculiaridades. Portanto, não há fórmulas mágicas, nem receitas prontas quanto à comunicação familiar.

Sabemos que a falta de comunicação pode prejudicar muito o relacionamento familiar. A família precisa ter um relacionamento transparente, no qual todos se amam e praticam a verdade, saibam respeitar as diferenças e individualidades de cada integrante que dela faz parte.

O apóstolo recomenda: “a vossa palavra seja sempre agradável, temperada com sal, para saberdes como deveis responder a cada um”. (Cl 4.6).
Por fim, em Mateus 5.37, Jesus ensina: “Seja, porém, o vosso falar: Sim, sim; não, não; …”

Viviane Watanabe, IAP em Maringá (PR), Convenção Paranaense