Evangelismo – Encontros marcados por Deus

Jesus aproveitou todas as oportunidades para fazer conhecida a mensagem de amor e perdão de Deus. Embora estivesse cansado quando se sentou ao lado do poço de Sicar, ele aceitou a chegada de uma mulher da Samaria como um “encontro divino”. Ao pedir um pouco de água, ele cativou sua atenção e envolveu-se numa conversa. Então, prosseguiu fazendo sua mensagem relevante à vida e a situação dela. Que grande exemplo de como os fiéis podem compartilhar sua fé!

Da mesma forma que as mulheres estão mais e mais escolhendo a “boa vida” sem respeitar os padrões bíblicos, essa mulher havia escolhido viver de uma forma que não agradava a Deus. Muitos buscam aquilo que lhes parece a melhor qualidade de vida sem respeitar a relevância da mensagem de Cristo na sua rotina diária.

Sem a aplicação dos padrões bíblicos, pessoas ou mesmo uma nação inteira acabam se afundando na decadência moral e se desintegram. Só a Bíblia é o manual de Deus sobre como devemos nos relacionar com Deus e com os outros – maridos com esposas, pais com filhos, patrão com empregado, amigo com amigo. A forma como você vê Deus irá determinar , e muito, o seu estilo de vida. Deus nos deu seu projeto eterno que, quando seguido com humildade e obediência, nos dá a maior qualidade de vida que o coração humano pode vir a conhecer.

As mulheres cristãs têm a “água viva” pela qual corações sedentos de todos os povos anseiam. Elas devem aprender a tornar essa mensagem relevante, a antecipar encontros divinos e a estar sempre prontas a mostrar que a vida ofertada por Jesus é desejável e atraente.

Jesus sempre se encontrava com aqueles que tinham perguntas ou necessidades sinceras, respeitando suas circunstâncias em relação a lugar, método de acesso ou estilo de comunicação. Ele nunca, entretanto, mudou sua mensagem ou o seu modo de amar.

A Bíblia da Mulher Almeida Revista e Atualizada – pg 1682