Ele é gentil

Num sábado ouvi um conselho de um pastor que julguei bastante especial. Um casal foi visitar nossa Igreja a convite de sua filhinha de cinco anos, que vem participando da Escola Bíblica Especial, organizada pelo Dijap. Foi feito o apelo, mas o casal não se manifestou, então o Pastor os chamou à frente para que recebessem uma oração. Antes da oração o Pastor disse ao pai: eduque sua filha nos caminhos do Senhor, pois somente Deus para nos proteger da prostituição e da violência desse mundo. Achei esse conselho terrivelmente verdadeiro. Hoje, mais do que nunca, precisamos de Deus na nossa vida, no nosso lar, pois é a verdade do Senhor que pode nos proteger nesse mundo tão terrível, como disse Davi: “Ele te cobrirá com as suas penas, e debaixo das suas asas te confiarás; a sua verdade será o teu escudo e broquel” (Sl 91:4).

O mundo está putrefado no maligno, que tem destruído famílias inteiras, invadindo os lares com prostituição, vícios, morte e toda sorte de mal, tudo para matar, roubar e destruir. Enquanto o maligno invade, arromba os lares, penetra sem ser convidado, o nosso Deus, com sua bondade e amor, bate à porta dos corações e aguarda ser convidado para entrar: “Eis que estou à porta, e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele comigo”(Ap 3:20). Deus que tem todo o poder sobre o céu e a terra não invade os corações, ele oferece graciosamente a sua salvação e aguarda que o pecador aceite o seu amor.

Pela cruz, fomos atraídos ao Senhor, mas de forma gentil, sem violência, com amor. Antes da cruz estávamos condenados, mas depois do sacrifício de amor fomos reconciliados com Deus. O louvor “Quebrantado” expõe em poesia essa verdade:

“Meu salvador na cruz mostrou
o amor do Pai o justo Deus
Imerecida vida de graça recebi
por sua cruz da morte me livrou
trouxe-me a vida eu estava condenado
mas agora pela cruz eu fui reconciliado

Pela cruz, me chamou gentilmente me atraiu e eu
sem palavras me aproximo quebrantado por seu amor”

É assim que nosso Deus faz. Ele é gentil ao nos convidar a ser seus filhos, a participar de sua mesa, a desfrutar de suas bênçãos. O que temos que fazer? Apenas aceitar o seu amor!

Lidiane Meneses S. Oliveira congrega na IAP Cumbica – Guarulhos