Aprendendo com Débora, Guerreira!

Ela foi escolhida por Deus para ocupar um cargo muito relevante em Israel e exercer algumas atividades que eram muito comuns aos homens da época, aliás, cabe aqui um parêntese (até mesmo nos dias de hoje é bem raro vermos mulheres no pelotão de frente representando seu país em missões militares).

Imagina uma mulher ir à guerra naquela época? Parece um tanto estranho não é mesmo? Mas ela não temeu estar à frente da batalha com Baraque, o grande General do Exército de Israel.

Salta aos nossos olhos a bravura dessa mulher, tamanha a sua coragem em enfrentar os preconceitos daquela época e com ousadia e intrepidez quebrar paradigmas! Tudo isso em obediência a Deus!

A história de Débora ainda mostra que aprouve ao Senhor usá-la em outras missões. Uma coisa é certa, Deus usa quem quer, como quer e onde quer. O Senhor confiou a essa simples mulher do povo, as estratégias de guerra, o comando das batalhas e as vitórias. Estejamos prontas para ouvirmos e atendermos ao seu chamado!

Reflexão:

Tenho coragem de enfrentar os padrões desse mundo e com determinação obedecido a Deus?

Por: Flávia Fresque Bellia Leonardo, Secretária da Resofap Convenção Geral, congrega em Vila Maria.

Nenhum comentário

Comentários estão desativados