Quando a vida vai de mal a pior… Ainda assim posso me alegrar

O livro de Habacuque me chama muita atenção. Ele conta a história de um profeta, temente a Deus, conhecedor da Palavra, mas totalmente indignado, triste, abatido com a condição do povo de Judá. Ele faz muitas perguntas para o Senhor e começa seu livro com essa: “Até quando, Senhor, clamarei por socorro, sem que tu ouças? Até quando gritarei a ti: ‘Violência!’ sem que tragas salvação?”. Hc 1.2

Deus, por sua misericórdia, traz respostas a Habacuque, mas elas não eram favoráveis, as coisas iriam piorar. E mesmo diante de tamanho caos, o profeta termina o livro declarando que “Mesmo não florescendo a figueira, não havendo uvas nas videiras; mesmo falhando a safra de azeitonas, não havendo produção de alimento nas lavouras, nem ovelhas no curral nem bois nos estábulos, ainda assim eu exultarei no Senhor e me alegrarei no Deus da minha salvação”. Hb 3: 17-18

Habacuque, cuja palavra vem da raiz hebraica que significa abraçar, começa o livro de forma tão intensa e questionadora, inconformado com o que estava vendo ao seu derredor, mas termina declarando que mesmo que tudo vá mal, a razão da sua alegria está no Senhor, o Deus da Salvação!

O que aconteceu com esse homem? Como pode mudar tão rápido de postura? E encontrei a resposta no primeiro versículo do capítulo 2: “Ficarei no meu posto de sentinela e tomarei posição sobre a muralha; aguardarei para ver o que ele me dirá e que resposta terei à minha queixa.”

Habacuque decidiu PERMANECER na presença do Senhor.

Nem sempre Deus vai mudar as circunstâncias da nossa vida, porque na realidade o maior interesse de Deus é mudar o nosso coração.

O coração desse homem foi tocado por Deus; sua percepção sobre a vida e os fatos que a circundam foi transformada; suas interrogações alteraram em reticencias; sua fala e comportamento visivelmente mudaram porque Habacuque decidiu permanecer na presença do Senhor! Nesse tempo com Deus, nesse tempo de espera por uma resposta, ele entendeu que a sua alegria não poderia depender de nada mais e de mais ninguém, a não ser do Pai.

Pode ser que você esteja orando por uma situação há anos, por vezes alguma circunstância terrível na família, igreja, trabalho ou nação, e talvez as coisas estejam apenas piorando. Lembre-se dessa verdade absoluta encontrada no livro de Habacuque: Deus deseja transformar o nosso coração a tal ponto que nossa alegria dependa somente dEle, e para acontecer a mudança você precisa permanecer em Cristo!

Para refletir:

A minha alegria depende do meu estado de humor? Ou a minha alegria está em Jesus?

Por: Dsa. Danúbia Guarnieri

Nenhum comentário

Comentários estão desativados